3 remédios que nunca devem ser dados aos cães

A automedicação é algo corriqueiro. Quem nunca tomou um remédio sem consultar um médico que atire a primeira pedra. Ir na farmácia e comprar remédios para inúmeros sintomas faz parte da nossa rotina. Todavia, os cachorros não compartilham da mesma constituição. Do alto da sua prateleira você deve evitar ao máximo dar alguns medicamentos.

É claro que ingerir medicamentos por conta própria para problemas banais como uma dor de cabeça, por exemplo, não chega a ser muito grave. Isso acontece porque nós, apesar de pouca, temos um conhecimento intrínseco sobre qual medicamento tomar para aliviar determinado sintoma. O problema maior acontece quando passamos a achar que o organismo de um cão reage da mesma forma do que o nosso.

Em alguns casos, certos medicamentos funcionam tanto para os seres humanos quanto para os animais. No entanto, existem alguns remédios que você nunca deve dar ao seu cão, não importa o porquê. Ou seja, só porque um medicamento é seguro para os seres humanos não significa que ele é seguro para os cães. Já era de se esperar não é mesmo? Nós somos espécimes totalmente diferentes.

Remédios proibidos para ps cães:

Aspirina

Esse medicamento age diretamente nas plaquetas (que ajudam o sangue a coagular). Ou seja, se o seu cachorro tem algum ferimento ou laceração a aspirina tornaria mais difícil de parar o sangramento. Especialmente perigosa se combinada com esteroides e/ou anti-inflamatórios. Os sintomas variam de problemas gastrointestinais, neurológicos, distúrbios hemorrágicos, insuficiência renal e dificuldades respiratórias;

Paracetamol

O problema nesse caso é a dosagem. Apesar de ser menos sensível do que os gatos (nunca dê paracetamol ao seu gato) a miligramagem dada aos humanos é o bastante para envenenar o seu cão.

Ibuprofeno

Muito usado para combater inflamações, no mesmo caso do paracetamol, para os cães o Ibuprofeno pode facilmente acender a níveis tóxicos. Apesar de parecer uma “dose segura” essa droga pode naturalmente levar a hemorragias, úlceras de estomago e insuficiência renal. Os sintomas incluem falta de apetite, vômitos, fezes pretas, sangue no vomito, dor abdominal, fraqueza e letargia.

Além desses medicamentos há outros. De qualquer forma, antes de medicar o seu cachorro, consulte sempre um médico veterinário.
Fonte: 3 remédios que você nunca deve dar ao seu cachorro | Tudo Sobre Cachorros http://tudosobrecachorros.com.br/2017/02/3-remedios-que-voce-nunca-deve-dar-ao-seu-cachorro.html#ixzz4ZEhe6X8P

remedios-proibidos-cachorro-766x526

Esta entrada foi publicada segunda-feira, fevereiro 20th, 2017 às 7:38 dentro de Atualidades, Curiosidades, Notícias. RSS 2.0 Both comments and pings are currently closed.